Entrada Os nossos Instrutores Sensei Carlos Sousa (6.º Dan)
Sensei Carlos Sousa
6º Dan
Sensei Carlos Sousa iniciou a prática do karaté em 1972, num clube chamado V.G.A. – La Vie Au Grand Air de Saint Maur com o Sensei Francois Petidemanges 4ª Dan. (Campeão do Mundo pela equipa de França).
Chegado a Portugal treinava em Leiria e simultaneamente deslocava-se ao Hombu Dojo da ASKP, em Lisboa, para treinar com Instrutores de grande referência como o Sensei Vilaça Pinto.
O seu percurso no karaté teve o seu ponto alto no momento em que conheceu o seu “ Mestre” o Sensei Taiji Kase.
Desde 1992, quer por Estágios, quer por deslocações ao estrangeiro, o Sensei Carlos Sousa recebeu os ensinamentos deste Grande Mestre que fazia questão de colocar no mapa internacional, a nossa cidade, Leiria. O Mestre Kase ainda nos deu um grande privilégio de inaugurar pessoalmente o nosso dojo, nos Cardosos.
Situado numa encosta de difícil acesso, com vários obstáculos a transpor, a dificuldade do trajecto até ao Dojo identifica a preparação física do karateca, sendo a sua recepção uma entrada harmoniosa, que nos remete para algo sagrado. A sua rara beleza, a cascata, o som da água do ribeiro a cair nas pedras, as plantas, as canas da índia a envolver o Dojo, as árvores raras, o silencio, a vista do alto do monte faz-nos sentir como um falcão no treino, é um verdadeiro paraíso no céu. O dojo encerra em si uma sensação de energia e positividade, que nos encanta com a sua alma, através de sons harmoniosos. Por isso como dizia o Sensei Kase, é bom chegar ao cume da montanha mas um homem sozinho lá em cima não é ninguém, por isso puxa os outros com ele, por isso mesmo o Dojo se chama San Sho No Michi, o que significa a caminho do cume. Para isso além de muito treino físico, é necessário encontrar a estabilidade da mente. Heijo Shin Wo Ushinawazu ( máxima do Sensei Kase )
Só os mais graduados têm esse privilégio. Só um verdadeiro guerreiro o pode sentir. A arte marcial impera.
Foi este Dojo, que o Mestre Kase visitou e inaugurou, tendo assinado uma fita e uma foto que está emoldurada na parede do Dojo.
Actualmente o Sensei Carlos Sousa tem a graduação de 6º Dan da Academia Shotokan Kase Ryu Ha.
Ao descrever O Sensei Carlos Sousa sinto-me elogiado e privilegiado, porque para o descrever tive a honra de ser seu aluno. Não é uma pessoal fácil, a sua personalidade imperial não o faz abdicar da sua ideologia. O verdadeiro espírito do karaté está enraizado nos dojos que ele se serve para dar aulas.
É uma pessoa de forte personalidade e de um profundo carácter, conhecedor de toda a arte do karaté, excelente praticante, que quando observado nos faz parecer que tudo é muito fácil, com uma técnica marcial apuradíssima, destaca-se pela forma como exige dos seus alunos e os que o rodeiam, incutindo a verdadeira energia do Kimé, “um ataque um KO”
Muito exigente consigo próprio e com os seus alunos, incutindo-lhes o verdadeiro espírito do Karaté. Só assim faz sentido e é este o caminho do verdadeiro Karaté. Tem sido muito prejudicado com esta sua postura, ao não facilitar. Podia ter várias escolas, várias centenas de alunos, caso obsta-se pelo facilitismo, mas dificuldades são para serem ultrapassadas e sentidas e não “negociadas” ou facilidades. Quem não tiver este espírito desistirá muito depressa. Puro e duro. Duas palavras para o descrever numa curta afirmação.
Seria fácil continuar a descreve-lo, e como é possível nos transmitir e incutir este espírito, sei do que falo, mas prefiro que sejam qualquer um de nós/vós a descobrir.
Cintos negros que já formou, indicam a sua audácia e a sua persistência.

Actualizado em ( Quinta, 20 Janeiro 2011 00:27 )